O Amor Manifesto por Deus

O Amor Manifesto por Deus

Por Andreia Ferreira da Silva

Bom…..aqui estou…para falar mais um pouquinho do nosso amado DEUS…Amados hoje ao escolher alguns hinos pra eu louvar o santo nome de DEUS logo mais a noite…. me deparei com um que verdadeiramente mexeu comigo…que me levou a meditar…
 .
De fato não merecemos o amor de DEUS…Como pode um pecador..como eu..como você ,que está lendo, receber…as graças que vem de DEUS…podemos sentir as bençãos em nosso viver…exemplo…você acordou hoje respirando esse ar ambiente..é porque DEUS cuida de você de uma forma toda especial…Eu não vejo razão nenhuma em mim para merecer o amor de DEUS….Às vezes o meu coração se torna tão duro…que me leva a tomar decisões que ferem as vontades de DEUS…mas mesmo assim ELE me ama! Estende as Suas mãos, dá proteção!
 .
Ele me abraça e quando estou fraco Ele enviará forças e mesmo que minha fé hesite em meio as dificuldades…O meu Deus nunca irá me abandonar. Sabe porque isso tudo? Por que Deus está interessado no homem …podemos dizer que o DEUS que servimos é amor.
.
Mas, mais especificamente, é porque Deus ama o homem…Se Deus não amasse o homem, Ele não precisaria salvá-lo. A salvação se cumpriu porque, por um lado, o homem pecou e, por outro, Deus amou. Se o homem não tivesse pecado, não haveria lugar nem maneira de o amor de Deus ser manifestado(de forma tão palpável)…
 .
Mas veja bem, isso não significa que, por esse motivo, iremos sair por ai cometendo erros …até porque se você ama a DEUS também …não cometerá erros
 .
A palavra de DEUS, a Bíblia, nunca deixa de chamar a atenção ao amor de Deus…confira você mesmo leitores o que diz… 1 João 4:16. Aqui não diz que Deus ama. Tampouco diz que Deus poderia amar ou que Deus pode amar ou que Deus amou ou amará. Pelo contrário, diz que Deus é amor.
 .
Que significa dizer que Deus é amor? Significa que o próprio Deus, Sua natureza e Seu ser, é amor. Se pudéssemos dizer que Deus tem uma substância, então a substância de Deus é amor.
 .
A maior revelação da biblia é que DEUS é amor… É isso que o homem precisa…É engraçado…mas às vezes nos fantasiamos …criamos… suposições conceitos em torno de DEUS… que DEUS é assim …assado…quais as suas intenções para com o homem…é bem simples responder as intenções de DEUS para com o homem..ou como podemos defini-lo…DEUS É AMOR …até mesmo quando ELE.. usa o seu chicotinho… contra você.. contra mim… isso não significa que DEUS seja cruel… Mas que Ele o ama…e sabe o que é melhor para ti…Vou ilustrar para os amados esse amor:
 .
Tudo aconteceu…no Getsêmani lugar de lutas e derramamento da graça fortalecedora…e de salvação eterna…onde JESUS CRISTO foi entregue no meu lugar e no seu…levou sobre si a culpa do pecado…para nos conceder a salvação eterna…ali Jesus revelava naquele momento, os limites e fraquezas que são comuns a todo ser humano. O Deus encarnado estava tendo uma profunda experiência naquele instante com as fragilidades que fazem parte da natureza humana.A humanidade de Jesus permitiu que Ele experimentasse o medo, a angustia e tristeza profunda. Mas nenhum desses sentimentos afastou  Cristo do seu alvo….que foi de morrer em nosso lugar!
 .
 Isso ocorreu porque…Deus Amou o Mundo de Tal Maneira que deu seu único filho para conceder a salvação eterna…
 .
O amor verdadeiro é expresso por ações e não somente verbalmente como HÁ EU TE AMO…Facil né…assim é muito facíl..
 .
Nada no mundo se compara ao grande Amor de DEUS para com o homem..Ele expessou esse amor…atraves de JESUS!
 .
Uma vez que Deus é amor, a questão da graça surge….E ainda tem mais devemos agradecer….muito muito muito …ao Senhor porque no amor de Deus não há apenas a graça, há também outro grande item: a misericórdia.
 .
A Graça…é o favor eterno e totalmente gratuito de Deus manifestado na concessão de bênçãos espirituais e terrenas às criaturas culpadas e indignas. A Graça é a concessão de favores a quem não tem mérito próprio, e pelos quais não se exige compensação alguma da parte do homem”. Graça é Deus dar ao pecador aquilo que ele NÃO MERECE, ou seja, a salvação. Graça é favor imerecido dado por Deus. Quando Deus é bondoso, ele revela a sua bondade que chamamos de graça….
 .
Misericordia…ela se relaciona com a graça…Vou colocar um exemplo aqui mui mui interessante que ouvi ..um pastor falar….Misericórdia é, por exemplo, um juiz chegando a decisão de que você é culpado, resolver impedir, conter qualquer castigo. Graça é receber algo que você nunca poderia imaginar. Um presente inexplicável. É como se o mesmo juiz, após descobrir sua culpa, lhe desse um prêmio acumulado da mega sena rssrrs..entendeu?
Neste sentido, a misericórdia pode ser vista como o oposto da graça…mas o amor de DEUS é manifestado nesta misericórdia.
 .
Amados…como disse lá …no inicio…eu creio que nenhum de nós merecemos nada vezes nada da parte de DEUS…mas no entanto ELE nos ama Sendo nós ainda pecadores…ELe nos ama …e tem uma linda aliança conosco…que se chama MORADA CELESTIAL…Tenho certeza que você não vai querer quebrar essa aliança..então expresse o seu amor para com DEUS da seguinte forma…amando ELE acima de qualquer coisa…renunciando TUDO  aquilo que fere o coração de DEUS. Viva em santidade… essas são provas de amor…
 .
Amor que de fato devemos sentir por esse PAI maravilhoso que servimos – DEUS! Aleluias!
Minha opinião: Nada a acrescentar… Deus já falou tudo através da irmã!
.
Que coloquemos o propósito de viver de forma a manifestar a nossa Gratidão por tão Grande Amor manifestado por nós!
.
Obrigado, Deus! Obrigado, Jesus!
.
Paz…

O Reino está perto…

Leitura do dia: Mateus 4:12-17

O Reino está perto…

…Jesus começou a anunciar a sua mensagem e dizia:

 “Arrependam-se dos seus pecados porque o Reino dos Céus está perto!” (V.17)

 

        Último dia do ano! Ano de idas e vindas. Será que temos feito algo que requer arrependimento? Tivemos apenas alegrias nos 365 dias vividos em 2010? Passamos por dificuldades? E o que fizemos com a mensagem que Jesus deixou para anunciarmos? Guardamo-la para nós ou seguimos o exemplo do Mestre que, depois de ter ven­cido as tentações que lhe foram impostas por Satanás, deu início ao seu ministério de pregação?

        Foi na Galiléia que Jesus começou a sua obra redentora. Foi ali que ele começou a dizer ao povo a que veio: cumprir a lei em nosso lugar, morrer e ressuscitar em favor de toda a humanidade, para que todas as pessoas tivessem vida. Foi ali que ele começou a chamar as pessoas ao arrependimento, para que a vida que ele veio trazer e anunciar pudesse tornar-se realidade. “Arrependam-se dos seus pecados porque o Reino do céu está perto!”. Arrependam-se! Este desafio começou na Galiléia, veio até nós e continua valendo também hoje.

        Deus espera de nós, seus filhos, duas coisas: que nos arrependamos dos pecados que cometemos no decorrer de 2010 e nos voltemos a ele, de coração: que não calemos, mas divulguemos essa mensagem de fé e esperança, que vivemos no tempo da graça, para que outras pessoas também se arrependam e tenham vida.

        Que Deus nos dê coragem de pedir perdão pelos pecados que co­metemos em 2010; e que continuemos a falar de Jesus e de sua obra também no novo ano que se inicia amanhã.

Oremos:

        Senhor Jesus, perdão pelos muitos pecados que cometi em 2010. Que eu possa buscar-te de maneira mais constante no ano que inicia amanhã. Abençoa a mim e a todas as pessoas que me são caras. Faze de mim um instrumento do teu Evangelho. Em teu nome, Jesus. Amém.

Fonte: Castelo Forte

A Fama de Jesus

Leitura do Dia: Mateus 4.18-25

 

A Fama de Jesus

 

“As notícias a respeito dele se espalharam …” (v. 24)

 

 

Nesta época do ano, grandes multidões se­guem Jesus, isto é, correm atrás dele por meio das mais diversas tradições natalinas. Algo pa­recido com a história do texto bíblico indicado, que marca o início do ministério de Cristo. Diz o evangelista que sua fama já havia se espalha­do e as pessoas o seguiam em busca de ajuda. Mas tal notoriedade não durou muito. Mais tarde, o Salvador fala sobre a verdadeira fina­lidade de sua vinda e, com isso, “muitos seguidores de Jesus o aban­donaram e não o acompanhavam mais”(João 6.66). Foi o fim do namoro, da fase romântica. Mas o começo da verdadeira relação da Igreja com o noivo.

Mas, e hoje? O que aconteceria, por exemplo, com a correria das compras, dos presentes, das comidas e bebidas, do pinheirinho, dos enfeites, se permanecesse apenas a parte principal do Natal? Será que a fama de Jesus não estaria comprometida?

O texto bíblico em apreço ajuda-nos a encontrar uma resposta. Aqueles quatro pescadores, que depois se tornaram discípulos de Je­sus, abandonaram suas famílias, seu barco, as redes. Deixaram tudo para seguir Jesus.

Isso não quer dizer que hoje precisamos fazer a mesma coisa. Nem abandonar as tradições do Natal. Para seguir Jesus, basta ter o princi­pal, ou seja, crer no Cristo que cura a doença do pecado.

Grandes multidões seguem Jesus no Natal, mas voltam vazias, sem o verdadeiro presente. Nós, que cremos na “boa notícia do Reino” (v. 23), podemos fazer a diferença na vida dessa gente andarilha e aflita.

Oremos:

Gracioso Deus e Pai, neste Natal, quando uma multidão corre atrás dos presentes, agradeço-te por ter no coração Aquele que mais importa. Quero ser um discípulo do Senhor Jesus e, assim, anunciar a boa notícia do teu Reino. Em nome do Salvador. Amém!

Fonte: Castelo Forte

Seguir por outro caminho…

Leitura do Dia: Is 8:1-15

 

“O Senhor Deus pôs a sua poderosa mão sobre mim e avisou a mim e aos meus seguidores que não andássemos no caminho que o povo estava seguindo” Is 8:11

 

Como é bom andar no caminho certo!

Deus alertou o profeta Isaías e pediu que o seu povo seguisse por outro caminho, diferente daquele pelo qual seguiam. Como representante do Senhor, o profeta chamou Israel ao arrependimento. Não deu certo! O povo seguiu pelo caminho errado.

Também hoje, muitas pessoas não ouvem o que a Bíblia diz e seguem sua própria rota. Continuam afastando-se de Deus e encaminhando-se para a morte. Mas, será que existe um outro caminho para o ser humano?

É claro que sim. Jesus mesmo diz que ele é o caminho, a verdade e a vida (João 14.6). Esta é a melhor opção de todas, pois leva-nos direto à casa do Pai.

As palavras de Isaías também servem para nós. Assim como ajudava o povo de Israel a encontrar o caminho certo, Deus quer auxiliar a nós para que não nos percamos. Por isso, não tenha medo, siga o caminho proposto por Jesus e o seu destino será a vida, aqui e na eternidade. Ao invés de condenação e castigo, você receberá as bênçãos que o Senhor tem preparado para aqueles que andam no caminho da salvação. Para permanecer na rota certa, leia e estude mais e mais a Sagrada Escritura. Viva em comunhão com os irmãos de fé na sua Igreja, ouça a Palavra de Deus, participe da Ceia do Senhor. Você sentirá como, dia a dia, os seus caminhos vão se aclarando e os seus passos tornam-se mais seguros. Você se sentirá melhor, sua família será mais feliz e o mundo em sua volta terá mais paz.

Oremos:

Querido Deus e amado Pai, orientado pela Bíblia Sagrada, eu quero seguir sempre pelos teus caminhos. Não permitas que eu me desvie de ti orientando-me por pessoas que não dão ouvidos aos teus ensinamentos. Ouve e atende a minha oração, em nome de Jesus. Amém

Fonte: Casa Forte

Silêncio: melhor atitude na injustiça!

“Jesus, porém, não respondeu palavra…” Mc 15:5

Não há na Bíblia um quadro mais tocante que o do Salvador em silêncio, sem responder palavra alguma aos que o injuriavam, os quais ele poderia ter feito cair prostrados a seus pés com apenas um  olhar ou uma só palavra de repreensão. Mas ele os deixou falar e fazer o pior, e ali ficou no poder do silêncio de Deus – o mudo Cordeiro de Deus.

Há um silêncio que deixa Deus operar por nós; o silêncio que pára com os próprios planos e a auto-reivindicação, com os próprios recursos de sabedoria e com suas previsões, e deixa que Deus proveja e responda ao golpe cruel, segundo o seu amor fiel e infalível.

Quantas vezes perdemos a intervenção de Deus porque tomamos nas mãos a nossa própria causa e avançamos em nossa defesa. Que Deus nos dê este poder de guardarmos silêncio; e também nos dê este espírito manso! – A. B. Simpson

 

Tomaram o Salvador, e amarrado o levaram

Como o banco dos réus, e, vis, o interrogaram;

E com astúcia mordaz, torpemente o acusaram.

Jesus, porém, não respondeu palavra.

 

De púrpura o vestiram e o coroaram de espinhos;

“Salve, Rei dos judeus!’: lhe exclamaram escarninhos;

Maltrataram-no ali segundo os seus caminhos

Jesus, porém, não lhes falou palavra.

 

De Deus a ovelha muda, em mão dos tosquiadores,

O Justo do Senhor, em mão dos malfeitores,

O Cordeiro de Deus, que salva os pecadores

Jesus, ali, não respondeu palavra.

 

Olha pois a Jesus, amigo, se és tentado

A tomar a defesa e agir, se mal julgado

Deixa o assunto com o Pai, se és sem culpa acusado

Teu Salvador não respondeu palavra!

Fonte: Manaciais no Deserto

O Perfeito Sacrifício Vivo

… porquanto fizeste isso e não me negaste o teu único filho … multiplicarei a tua descendência como as estrelas dos céus … porquanto obedeceste à minha voz.” (Gn 22.16-18.)

       E desde aquele dia até hoje os homens têm aprendido que quando, em obediência à voz de Deus, eles lhe entregam aquilo que lhes é mais caro, essa mesma coisa lhes é devolvida por ele, multiplicada em mil vezes. Abraão, atendendo ao pedido de Deus entrega-lhe seu único filho (alguma semelhança com o que Deus fez?) – e com isto, como que desaparecem todas as suas esperanças com respeito à vida e desenvolvimento do rapaz e à formação de uma descendência nobre, com seu nome. Mas o filho lhe é restituído; a família torna se numerosa como as estrelas do céu e a areia do mar, e dela, na plenitude dos tempos, procede Jesus Cristo.

        Essa é a maneira como Deus recebe cada sacrifício de seus f1lhos. Entregamos tudo e aceitamos pobreza; e ele manda riqueza. Renunciamos a um rico campo de serviço; ele nos manda um ainda mais rico, e com o qual jamais sonhamos. Deixamos todas as nossas mais caras esperanças e morremos para o eu; ele nos manda vida abundante e alegria. E a coroa disso tudo é o Senhor Jesus Cristo. Pois não podemos conhecer a plenitude da vida que está em Cristo enquanto não tivermos feito o supremo sacrifício de Abraão. Ele, o pai terreno da família de Cristo, precisou começar per­dendo a si mesmo e a seu próprio filho, como fez o Pai Celeste. Nós só podemos ser membros daquela família gozando de todos os privilégios e alegrias de membros dela, nas mesmas bases. C. G. Trumbull

         Às vezes parecemos esquecer que o que Deus toma ele consome com fogo; e que o único caminho que leva à vida de ressurreição e ao monte da ascen­são passa pelo Getsêmani, pela cruz e pelo túmulo(sepultamento da velha criatura => Batismo).

        Não pensemos que Abraão foi um exemplo único e um caso isolado. Ele foi simplesmente uma ilustração, um modelo da maneira como Deus lida com o homem que se dispõe a obedecer-lhe a qualquer preço. Depois de ter suportado tudo pacientemente, ele receberá a promessa. O momen­to de supremo sacrifício será de suprema bênção, de bênção transbordan­te. O rio de Deus, que está sempre cheio, transbordará e virá sobre ele com abundância de riqueza e graça. Deus tudo fará para o homem que dá o passo da fé, ainda que pareça um passo no vazio; pois ali, debaixo dos seus pés, ele encontrará a Rocha firme. – F. B. Meyer

Fonte: Mananciais no Deserto