[Agenda Global] A ONU ESTÁ NORMALIZANDO A PEDOFILIA: O DEEP STATE ESTÁ LIVRE PARA EXPLORAR SEUS FILHOS

O Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos está sancionando uma revolução sexual que culminará com a legalização e o apoio entusiasmado do transgenerismo, mas também apoiará a legalização da pedofilia. À medida que o Deep State está mais ativo em seu papel no “PedoGate”, podemos esperar mais contra-ataques, como a legalização da pedofilia.

Do The New American:

“O Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas”, que conta com algumas das ditaduras mais implacáveis do mundo como membros, provocou uma indignação global na semana passada ao votar para nomear um czar da ONU para supervisionar a normalização do homossexualismo e do transgenerismo em todo o mundo.

(…) De acordo com o serviço de propaganda da ONU, o desacreditado “Conselho dos Direitos Humanos” da ONU debateu a medida por quase quatro horas em 30 de junho antes de adotar o esquema em uma disputa contenciosa. Apenas 23 governos e regimes membros votaram a favor da criação do novo czar, enquanto 18 votaram contra e seis se abstiveram. A medida foi adiada por uma rede de governos comunistas e socialistas bem unidos na América Latina, com vínculos estreitos com grupos terroristas marxistasglobalistas ocidentaisMoscou e Pequim.Vários governos europeus e outros membros do “Núcleo Duro do Grupo LGBT”, que incluem Obama e a União Européia, também tiveram um papel preponderante ao empurrar o esquema à partir de fora da provisão dos “Direitos Humanos” da ONU. “Pela primeira vez, trabalhar nesta questão [a normalização da homossexualidade e do transgenerismo] será efetivamente institucionalizada no Conselho de Direitos Humanos”, disse a ONU (…)”.

(…) comemorou como um “grande avanço para os direitos humanos nos Estados Unidos.” “As medidas que ele defendeu aqui — incluindo novas leis para proteger as pessoas contra a discriminação — são as mesmas medidas que hoje defendemos para os governos de todos os lugares.” Ironicamente , o mérito para o estuprador infantil chegou justo quando os exércitos da “paz” da ONU enfrentavam uma indignação global por violar de forma sistemática e explorar sexualmente crianças em todo o mundo.

Anos atrás, escrevi sobre o fato de que a NAMBLA estava defendendo a legalização da pedofilia. Você se importa de adivinhar quem é o maior contribuidor? Veja o seguinte:

[O maior contribuinte da NAMBLA é George Soros. O Partido Libertário apoia uma reforma da Era do Consentimento. Por favor, se instrua sobre isso.]

O que vem a seguir é um exemplo de como os acadêmicos falam sobre pedofilia. Em breve, a prática, assim como transgêneros aterrorizando meninas em banheiros femininos, tornar-se-á a norma.

O interesse pedófilo é natural e normal para machos humanos”, afirmou a apresentação. “Pelo menos uma minoria considerável de homens normais gostaria de fazer sexo com crianças (…) Os machos normais ficam excitados por crianças”.

A declaração de que a pedofilia é “natural e normal” foi feita não há três décadas atrás, mas em julho [do ano] passado. Não foi feito em privado, mas como uma das reivindicações centrais de uma apresentação acadêmica entregue, a convite dos organizadores, a muitos dos principais especialistas da área em uma conferência realizada pela Universidade de Cambridge.

Outras apresentações incluíram “Liberar o pedófilo: uma análise discursiva” e “Perigo e diferença: as apostas da hebefilia”.

Hebefilia é a preferência sexual por crianças na puberdade precoce, tipicamente de 11 a 14 anos de idade.

A organização mais hedionda da América é a Nambla. Nambla é abreviação da North American Man-Boy Association (Associação Norte Americana do Amor entre Homens e Meninos) e sua declaração de identificação é “sexo antes dos 8 ou será muito tarde”.

[para acabar com a opressão de homens e meninos que escolheram livremente ter relacionamentos mutuamente consentidos]

Estamos a caminho de permitir e até mesmo incentivar o sexo com crianças. O último tabu está sendo eliminado.

Agora é tolerado que as criaturas com uma estrutura de cromossomo XY possam entrar em banheiros de menininhas, sob o pretexto de ser um transgênero e aterrorizar essas meninas ao estilo George Soros. Seu filho está prestes a se tornar parte de um mundo no qual está despreparado para viver.

Quanto tempo durará até que empregados que têm sexo com crianças sejam protegidos com tanto ímpeto quanto a questão dos transgêneros nos banheiros. Não, isso não é hipérbole, é uma preocupação legítima. A Associação Norte Americana de Amor entre Homem e Menino (NAMBLA) começa a aparecer proeminente nesta imagem. No passado, uma das suas frases patenteadas era sexo antes dos oito, ou será muito tarde”. Esta é uma tentativa óbvia de remover a última proibição pervertida do nosso código legal, bem como nossas defesas sociais para proteger nossos filhos. As palavras não podem descrever quão doentes e pervertidas essas pessoas realmente são. E antes de você pensar que isso nunca poderia se tornar uma realidade, considere que o globalista, George Soros, dá dinheiro ao NAMBLA. Se isso não é suficientemente relevante para você, perceba que Kevin Jennings, um oficial do Departamento de Educação de Obama, e um amigo íntimo de Hillary Clinton também participaram desse grupo.

Qualquer idade?

“Poderia o último tabu ser removido permanentemente? Você quer dizer que eu não tenho que esconder o fato de que eu sou pedófilo?”

Impulsionar o gênero neutro e agregar a pedofilia dentro do arcabouço de proteção jurídica a homossexuais já está acontecendo. O New York Times afirma publicamente que a pedofilia não é um crime. A ACLU (União Americana Pelas Liberdades Civis) está defendendo ativamente a Nambla e simpatizantes de pedófilos.

[*] Dave Hodges. “The UN Is Normalizing Pedophilia: The Deep State Is Free to Prey Upon Your Children”. The Common Sense Show, 14 de Junho de 2017.

Tradução: Cássia H.

Revisão: Patrícia Maragoni

Via http://tradutoresdedireita.org/a-onu-esta-normalizando-a-pedofilia-o-deep-state-esta-livre-para-explorar-seus-filhos/

Anúncios

[Fim dos Tempos] Feminismo, Parada Gay e a Nova Ordem Mundial!(Fonte: Site Ateu!) Surpreendente!

images

.

Todos os anos é realizada a “Parada Gay” na Av. Paulista, o centro comercial da capital paulistana. Em todas as suas edições são observadas um grande suporte da mídia e das nossas autoridades públicas, de olho no lucrativo negócio no qual milhares de pederastas do mundo inteiro vêm anualmente para cultivarem o uranismo na metrópole.
.
O “espetáculo” é o mesmo de sempre: ao som da música eletrônica emanada de carros de som, somando-se com uma maior parte de curiosos, reúne-se uma multidão de pessoas drogadas, embriagadas e, conforme diversos relatos, parte delas entregando-se a orgias e degradando-se na rua em plena luz do dia para qualquer um que estiver passando pelo evento ver. Numa de suas edições (2007), foram distribuídos milhares de panfletos incentivando (falava em orientações) o uso da cocaína, fora os habituais, falando sobre o “sexo seguro”, que ainda pode ser encontrado no portal da Folha de São Paulo, em matéria de Daniel Bergamasco.
 .
É uma verdadeira Sodoma nas ruas da capital com o apoio tácito dos nossos governantes. Por outro lado, a maior parte da população, evidentemente, na remanescência dos princípios legados pelos seus pais e avós, tende a condenar o evento, mas não tem força política, voz ativa ou não se interessa por tentar obstaculizar a realização do mesmo.
 .
Os próprios políticos em geral – e salvo raras exceções -, ou se omitem pelo cálculo, ou dão suporte em busca da simpatia das “minorias” e do lucro financeiro. Os religiosos fazem vista grossa, mas também deixam escapar a chance de organizar uma coalizão política efetiva para pressionar as autoridades a tomarem uma postura mais decente e digna em uma nação que, embora sob a égide de um Estado laico, ainda se diz cristã.  Façamos notar que a realização desses eventos vem sempre acompanhada da pressão dos grupos homossexuais contra o “preconceito” e para criminalizar o que eles chamam de “homofobia” – que se traduz, mais propriamente, em não aprovar tal comportamento e não o querer para seus amigos, filhos e família. Mas as questões que queremos abordar aqui vão além da “Parada Gay” em si e ao que há de subjacente à mesma. Nosso objetivo é alertar e esclarecer a verdadeira natureza da situação, tanto para os aliados e simpatizantes da UNAC [União Nacionalista], como para a população em geral.  Como é possível que um tipo de comportamento que até cerca de três décadas era ferrenhamente condenado como um grave desvio, passe a ser nos dias de hoje não só aceito, mas até incentivado?
 .
Como presenciamos hoje a realização de um tipo de evento que, até bem pouco tempo, seria absolutamente impensável e agora, além de tudo, é proclamado como um grande “avanço”? Como chegamos a tal inversão de valores e quais as forças que atuaram e atuam nos bastidores para que tal estado de coisas fosse possível?
 .
Não é possível falar sobre esse atual propagandismo da pederastia sem observarmos outra ideologia: o feminismo. Embora a maioria das pessoas pense tratar-se de dois fenômenos diversos, a verdade é que tanto o feminismo, como o apoio à pederastia e ao homossexualismo em geral, são duas ideologias que surgiram com o mesmo propósito e encaixam-se perfeitamente como a mão e a luva. Na verdade, uma acompanha e até reforça a outra a ponto de podermos afirmar que quando uma é fortalecida, esta favorece automaticamente a segunda de forma recíproca. Em meados da década de quarenta, Plínio Salgado, em sua obra A Mulher do Século XX, advertia sobre aqueles que já àquela altura queriam transformar a mulher numa concorrente do homem sendo envenenada e iludida a acreditar que seus instintos e vocações naturais, na verdade, eram moldados por uma sociedade cristã patriarcal e “machista” para oprimi-la.
 .
Observando os perigosos venenos que começavam a serem destilados no Ocidente do pós-guerra – e mais tarde se cristalizariam na contra-cultura, nos ensinava o pensador que na sociedade capitalista sem alma, orientada pelo liberalismo econômico, o ser humano é reduzido a um mero recurso e que, desta forma, a mulher passara a ser explorada, tendo também seu trabalho visto como mercadoria sujeita à lei da oferta e da procura.
 .
Notamos que os maiores sintomas dessa confusão geral se deram em diversos pontos, sendo os principais: a diminuição dos salários dos homens com a crescente enxurrada, geração após geração, de mulheres no mercado de trabalho; o afastamento da mulher do lar (deixando a educação das crianças a cargo das chamadas “rainhas dos baixinhos”), dos filhos e até da maternidade, no sentido de privilegiar uma carreira profissional em detrimento da sua família. Uma convicção que fez com que a maioria dos homens passasse a acreditar que não precisava mais da mulher em casa levando, evidentemente, a um afastamento cada vez maior entre os casais tendo como conseqüência uma vida conjugal e familiar cada vez mais secundária em relação às atividades profissionais. Tal fenômeno, de maneira óbvia, tem levado mais e mais casais à separação e destruído lares.  No plano econômico, o que presenciamos hoje nas grandes cidades e em todas as periferias é o efeito mais perverso: mesmo que não queira, a mulher se vê obrigada a sair ao mercado de trabalho para completar o salário de fome do marido que, na maioria das vezes, sozinho, é incapaz de prover o sustento do lar. Porém há conseqüências ainda mais graves e extremadas hoje de forma doentia.
 .
Desabituada do caráter e da missão que lhe são próprios, a mulher deixa de considerar o lar como o centro de sua atividade principal e ambiente de seu domínio afetivo; passa a viver mais na rua do que em casa […] Casando-se, a sua convivência com o marido limita-se aos encontros efêmeros de um amor sem raízes, esse falso amor sobre o qual se constroem os castelos de cartas dos casamentos desgraçados.
 .
A mulher desvaloriza-se na indistinção dos sexos e, em conseqüência, o homem rebaixa-se, perdendo o teor viril, porque nos países onde a mulher masculiniza-se, o homem também se torna efeminado. Efeminado e passivo, mesmo que não seja homossexual, o homem deixa de ser o portador das mudanças que a sociedade necessita e não tem forças para lutar contra esse modelo corrompido, se entregando então ao hedonismo como todo objetivo de sua existência. Burguês, acomodado, dócil como uma ovelha, covarde, marica, ridículo e mesquinho, o homem perde totalmente sua honra, sua virilidade e sua dignidade.
  .
Eis porque, já naquele tempo, se afirmava que certos desvios começam por uma moderna forma de romantismo que se batizou com o nome de “feminismo” e que antes deveria chamar-se “masculinismo”, e termina – após todos os cânticos à liberdade – com a anulação dessa mesma liberdade e a queda vertical até os extremos da escravidão e da degradação.  Em recente trabalho, intitulado Cruel Hoax – Feminism & New World Order (Farsa Cruel – Feminismo e Nova Ordem Mundial em tradução livre), Henry Makow desvelou o elo existente entre os movimentos de dissolução familiar e o banqueirismo internacional originado na Inglaterra e nos EUA, tendo amplos setores representados no sionismo internacional (Rothschild et caterva).
  .
Além do feminismo e da revolução homossexual, são componentes importantes nesse contexto: o controle de natalidade, programas de adoção para “casais” homossexuais, o desenvolvimento e o incentivo do uso da pílula anticoncepcional e outros meios contraceptivos, as campanhas pró-aborto e a vulgarização total do sexo, desde a pré-adolescência. A família e o casamento são tidos como instituições “superadas” e “arcaicas” e os filhos passam a serem vistos como algo “indesejado”, que deve ser evitado. O individualismo é entronizado como “virtude”, e o apego ao cônjuge e aos filhos como “fraqueza”. Por sua vez, o heterossexualismo é colocado como mera “opção”, sendo igualado ao homossexualismo (ou, como muitos preferem, “homossexualidade”).
 .
Heterossexualismo não é opção. Como bem ressalta Makow, ele simplesmente faz parte do ciclo reprodutivo e biológico. Já a relação homossexual é estéril, e representa um comportamento culminado por sérios distúrbios de ordem genética, psicológica ou espiritual.
 .
O objetivo final de tudo isso, porém, faz parte de uma agenda pré-definida por banqueiros que pensam poder substituir Deus e alterar a ordem natural das coisas em benefício próprio. A concentração cada vez maior da riqueza nas mãos de poucos magnatas que manipulam a maior parte da humanidade através de programas eugênicos, engenharia social e controle mental pela a mídia de massa e de entretenimento. Afinal, são os mesmos promotores da globalização que querem destruir o Estado nacional soberano, as culturas e religiões dos povos e bestializar o ser humano a ponto deste esquecer sua finalidade neste mundo.
 .
Cabe a nós iniciarmos imediatamente uma contrarrevolução.
 .
Se não formos capazes de encarar o problema de frente, conhecendo sua verdadeira essência, não poderemos sequer pensar em qualquer mudança.  Nos dias de hoje, lutar pelo que é justo e certo parece ser cada vez mais difícil, mas para aquele que não consegue enxergar a existência apenas na finitude terrena e material, é justamente a certeza de estar no caminho certo que provê a disposição para continuar na luta.
 .
Por Marcelo Silveira
Boletim Nacionalista, volume I, edição 2, julho/agosto/setembro de 2010, pp. 4 e 5
.
————————————————————————-
Reportagem sobre a Parada Gay:
.
.
Amados, caso vocês tenham lido todo o texto e ficaram confusos, ou acham que isso tudo é loucura, peço, encarecidamente, que assistam a Palestra abaixo dada na OAB-SP por um Filósofo, onde ele aborda o mesmo Tema do artigo acima!
.
A mesma Política de Roma, a do “Pão e Circo”, tem sido feita e ninguém tem percibo que estamos perdendo nossa liberdade, nossos valores e a família tem sido destruída em prol da Implementação da Nova Ordem Mundial!
.
.

2012 – Queda dos EUA – A Morte do DÓLAR

Dentro de menos de 2 anos, o mundo não será mais o mesmo. A Elite Mundial, conhecida como os ILLUMINATI, implementará a NOVA ORDEM MUNDIAL

Poucos são os que sabem disso e muitos os que não querem saber! Caso você queira sair da Ignorância, assista o vídeo abaixo e pesquise mais à respeito do tema na Internet.

Existem muitas informações concentradas em meu Blog numa  seção chamada “A AGENDA GLOBAL”. Caso queiram economizar tempo, aconselho-os a acessá-la!