DEVOCIONAL: UM MÊS PARA VIVER! DIA 16 – Descobrindo Seu Propósito na Vida

DIA 16 – Descobrindo Seu Propósito na Vida

Quem sou eu? Esta foi a pergunta que Davi fez a Deus e que está registrada no Salmo 8: 3 – 5.

Quem sou eu? Esta é a pergunta que as pessoas constantemente estão fazendo.

Quem sou eu E Como posso descobrir meu propósito de vida?

Quer você esteja fazendo essa pergunta seriamente pela primeira vez, quer já tenha ponderado sobre ela por muitos anos, o ponto de partida é o mesmo.

Assim como um astrônomo precisa de um telescópio para olhar o céu da noite e entendê-lo, você precisa olhar com mais atenção se quiser de fato compreender quem você é e para o que foi criado, terá de olhar para a Fonte de sua criação.

Fomos criados à imagem de Deus. Logo, existe um Criador.

Os cientistas estimam que haja mais de 125 bilhões de galáxias no universo visível.

Cada uma contém milhões de estrelas. Nossa mente pequena e finita não consegue sequer alcançar tal magnitude.

Se esse é o tamanho apenas daquilo que conhecemos da criação, então: ”Qual será o tamanho do próprio Criador?”

Quando se olha para as complexidades da criação aqui nesta Terra, fica evidente que alguém está por trás de tudo. Um Designer inteligente que criou tudo isso.

Edwin Conklin, professor de biologia da Universidade de Princeton, diz que a probabilidade de a vida ter-se se originado de um acidente é comparável à probabilidade de um dicionário ser resultado de uma explosão numa gráfica.

Se não existe um Criador, então estamos aqui por acidente, uma ocorrência arbitrária da natureza.

Se nós estamos aqui na Terra por mero acaso, então como pode haver propósito na vida?

Hoje em dia, muitas pessoas se esqueceram de seu Criador e, assim, perderam completamente o propósito e o significado da vida.

Elas não estão de fato vivendo, mas apenas existindo. Elas não sabem qual é o seu lugar na vida porque se esqueceram de quem são e, portanto, se esqueceram quem são.

Como começamos, a saber, quem somos na vida?

Não importa o estágio em que estejamos – estudante, jovem adulto, solteiro, casado, pais recentes, pais com filhos casados, avós – todos nós podemos aprender mais sobre a pessoa que Deus nos criou para ser ao nos concentrarmos n’Ele.

À medida que desenvolvemos um relacionamento mais próximo com Deus, nós nos tornamos mais semelhantes a Ele.

Quando vemos nosso Criador como a fonte de quem somos, podemos brilhar mais intensamente que qualquer estrela no céu noturno.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s