DEVOCIONAL: UM MÊS PARA VIVER! DIA 10 – Explorando as Profundezas do Perdão

DIA 10 – Explorando as Profundezas do Perdão

“Quem é destituído do poder de perdoar não tem poder de amar” – (Martin Luther King).

A regra número um do mergulho é nunca prender a respiração. Os instrutores ensinam isso aos alunos porque, quando estamos em águas profundas e respiramos por meio de um tanque de oxigênio, o ar naturalmente enche os pulmões. Se a pessoa prende a respiração enquanto está subindo para a superfície, o ar se expande, distendendo os pulmões e ferindo a pessoa.

A regra número um para mergulhar fundo na vida é nunca reter a amargura.

Lembre-se de que, na maioria dos casos, não desenvolvemos uma ferida purulenta da noite para o dia.

Ela, em geral, começa com uma pequena inflamação que cresce e se transforma numa grande infecção.

Muitas vezes os frutos da amargura são plantados com as sementes da ira.

A Bíblia diz que jamais devemos reter a ira por um período maior que vinte e quatro horas. Por quê?

Porque se você permitir que a ira sobreviva por mais de um dia, ela se transforma em amargura.

Se não expelir o ressentimento, você acabará explodindo.

Expelimos a ira e a amargura quando somos honestos sobre nossos sentimentos.

Nem sempre gostamos de admitir que: Estamos feridos e que uma pessoa conseguiu nos ofender.

O orgulho serve de combustível para a dissimulação, embora por dentro estejamos fervendo.

Se nossa ira não for trabalhada, ela logo se transformará em amargura maligna.

Alguém disse com muita sabedoria, que perdoar é libertar um prisioneiro e, então, descobrir que o prisioneiro era você.

Deus diz que você precisa perdoar para o seu próprio bem, porque: A amargura bloqueia a benção que Ele deseja derramar sobre sua vida.

Se você se abrir para Deus ao perdoar e orar por aqueles que o feriram, as bênçãos fluirão novamente e a cura de sua alma começa a acontecer.

Perdoar de fato é como nadar em um oceano muito profundo, como jamais poderíamos imaginar.

Significa sentir uma onda de amor que lava nossos pecados, nossa culpa e nossa amargura.

Se tivesse apenas um mês para viver, você não gostaria de ser levado para além das águas rasas, na direção do profundo oceano purificador do perdão?

“Quem não consegue perdoar destrói a ponte sobre a qual terá de passar” – George Herbert.

Faça uma lista das pessoas que você precisa perdoar.

Faça uma lista das pessoas a quem você precisa pedir perdão.

Coloque isso diante de Deus em oração e tome uma atitude!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s