[Assunto Polêmico] Travesti canta num Culto da Assembléia de Deus!!

travesti-canta-durante-culto-em-igreja-evangelica-266x200

Recentemente foi liberado um vídeo, onde um Travesti, ao receber uma oportunidade num Culto da Assembleia de Deus, canta um Louvor a Deus! Esse acontecimento escandalizou muitos irmãos espirituais, pois ali estava explicitamente um pecador “louvando” na casa do Senhor!

Muitos afirmaram que ele não tinha condições espirituais para receber aquela oportunidade e ter, assim, o privilégio de enaltecer a Deus!!

Agora eu lhes pergunto: “qual de nós está verdadeiramente sem pecado?? Quantos são os Levitas que sobem ao púlpitos, mas estão em adultério, prostituição, com ódio no coração??”

O grande problema, nessa situação, é que era evidente o pecado daquela pessoa! Ela foi cantar, como estava, isto é, supostamente ainda em pecado, já que não conhecemos o contexto da história e, portanto, não sabemos a condição de arrependimento dela diante de Deus!

Mas peraí!!!! As pessoas não têm que vir a Jesus, como estão e, então, serão transformadas por ele?? Se Jesus estivesse ali, iria proibir o Travesti de se aproximar dEle e “louvar”?? Lembro-me da Parábola do Fariseu e do Publicano! Ela se encaixa perfeitamente nesse contexto! Está escrito:

“Dois homens subiram ao templo para orar; um era fariseu e o outro, publicano. O fariseu, em pé, orava no íntimo: ‘Deus, eu te agradeço porque não sou como os outros homens: ladrões, corruptos, adúlteros; nem mesmo como este publicano. Jejuo duas vezes por semana e dou o dízimo de tudo quanto ganho’. Mas o publicano ficou à distância. Ele nem ousava olhar para o céu, mas batendo no peito, dizia: ‘Deus, tem misericórdia de mim, que sou pecador’. Eu lhes digo que este homem, e não o outro, foi para casa justificado diante de Deus. Pois quem se exalta será humilhado, e quem se humilha será exaltado”. Lucas 18:10-14

Percebe-se que Justificado foi aquele que reconheceu a sua pecaminosidade diante de Deus, a sua dependência da misericórdia de Deus! Enquanto o aparentemente espiritual permaneceu perdido!

Não estou fazendo Apologia ao Pecado, pois a homossexualidade é condenada por Deus, mas devemos buscar amar os perdidos, os doentes(como nós) que precisam de tratamento e, para isso, necessitam ser acolhidos com amor em nossas Igrejas!!

O Pastor foi um homem sábio e corajoso, que mesmo sabendo que, possivelmente, sofreria alguma represália dos “fariseus” ali presentes,  manifestou um amor acolhedor e cedeu a oportunidade para aquela pessoa cantar…

Não sabemos o fim da história, mas podemos orar, afim de que seja o início de uma nova, agora, com Jesus Cristo! Veja o amado cantando abaixo:

Veja também o Testemunho do ex-travesti o Paulinho de Jesus, que teve um encontro com Cristo, quando recebeu uma oportunidade para cantar, como o amado acima:

21 pensamentos sobre “[Assunto Polêmico] Travesti canta num Culto da Assembléia de Deus!!

  1. Sei que agora quem vai ser julgada serei eu, mas, sem hipocrisia, analisemos o caso conforme Paul Washer faria.Quando temos um encontro com um Deus Santo, a gente sente tanto nojo de nós mesmos, o Espírito Santo nos faz ver nossos pecados como Deus vê e isso nos joga com a boca no pó, literalmente (aconteceu comigo), chorando e gemendo, clamando perdão agradecendo a paciência e a misericórdia do Senhor por não ter me consumido antes de mostrar a Sua graça , e cobrir minha vergonha com o sangue de Jesus. A última coisa que a gente deseja é mostrar a imundície do nosso pecado, especialmente no altar.Como diz o apóstolo “Naquele tempo, que resultado colheste, senão as coisas das quais agora vos envergonhais? “( Rm 6:21)
    Não entendo que pessoas vão na frente contar seu “tristemunho” das patifarias que fez, Deus é Deus, não precisa disso pra ser glorificado.Pra mim, esse aí quis fazer seu showzinho pra cair na internet, conseguiu, e usado pelo diabo desrespeitou e profanou a casa do Senhor, fez os crentes de bobos , e ainda provou que não temos condições de julgar o mundo como diz a palavra.Que Deus me perdoe, mas isso jamais aconteceria nem mesmo na igreja católica.Não suportei ver, me deu nojo.Gostaria de ver pra onde ele foi quando saiu da igreja, rindo dos trouxas que ainda o aplaudem .O juízo começa pela casa de Deus, vigiemos.

    • Amada.. pode ter acontecido isso… ou oposto…. no caso de Paulinho de Jesus foi o oposto… e hoje ele é Pastor!

      Ele também recebeu um oportunidade, como essa… e depois que acabou buscou persevera, foi realmente liberto, transformado e salvo.

      O testemunho de alguns são muito triste, mas servem para mostrar que não há limites que não possam ser alcançados por Deus, afim de resgatar um pecador…(a não ser o pecado contra o Espírito Santo).

      Assista o Testemunho… Paz….

    • Bom eu sou levita, e comentário à parte tenho que reclamar não por achar errado os manifestos do Arautos, mas por ter visto apenas as fraquezas concernentes aos Levitas, mas estão deixando de lado os ditos pastores que comentem pecados tão grandes ou maiores que esses….Voltando ao assunto, quando falamos em Adoração focamos sempre o reconhecimento que a Deus lhe é devido, sendo assim, isso não é pertinente apenas as pessoas que possuem melhor condição espiritual, mas também aqueles que são desprovidos de força no espirito para combater os desejos da carne, mas que apesar dos pesares conseguem reconhecer a glória que a Deus é devida.
      Não sou a favor disso virar costumeiro, mas jamais poderia inibir uma pessoa de expressar aquilo que sente por Deus através do Louvor, pois como já fora dito pelos Arautos,,,a unica diferença dela para outros levitas era que seu pecado estava à vista quando o de muitos outros ficam encobertos e só são reprimidos quando vasa meio a igreja….

  2. Eu acredito que a música tem um função importante dentro da igreja. As pessoas que cantam num palco de uma igreja precisam ter uma vida em santidade, sem hipocrisia. Eu concordaria do fato do travesti está louvando, se não fosse num palco. Até porque a vida dele não condiz com aquilo que ele tá passando para as pessoas, assim como um pastor precisa viver em pureza para poder passar a mensagem. Um cara que prega contra adultério não teria crédito se ele tem adulterado. Ambos os ministérios se equivalem.

    Mas creio também que Deus usa as pessoas. Se aconteceu, com certeza Deus usou essa pessoa pra que alguém fosse tocada nesse dia.

    Enfim, opinião é opinião né.
    Deus abençoe a todos

  3. Querido, graça e paz! Em Romanos 11:22, a bíblia diz que devemos considerar duas coisas: A bondade e a severidade de Deus. Creio em um Deus misericordioso e que pode resgatar o mais vil pecador da lama do pecado, mas também creio como diz o Salmos 93:5b, “A santidade convém à tua casa, Senhor, para sempre”. É claro que temos que ser misericordiosos, pois a bíblia diz em Mateus 5:7 que os misericordiosos alcançarão misericórdia. Mas tem um porém; estamos nos esquecendo de que o mesmo Deus misericordioso também é um Deus justo e santo. O irmão comentou à respeito de pessoas que talvez estariam ocupando o púlpito em condições bem piores; só que tem uma coisa; a bíblia diz em Deuteronômio 29:29 que: “As coisas encobertas pertencem ao Senhor nosso Deus, porém as reveladas nos pertencem a nós e a nossos filhos para sempre, para que cumpramos todas as palavras desta lei”. Eu entendo com isso que, o interior de cada um quem vai julgar é Deus, porém aquilo que está estampado Deus irá cobrar de nós, principalmente da liderança que, com o pretexto de misericórdia tem deixado o pecado entrar no lugar santo. Jesus disse em Apocalipse 2:20 para João escrever ao pastor da Igreja de Tiatira o seguinte: ” Mas algumas poucas coisas tenho contra ti que deixas Jezabel, mulher que se diz profetiza, ensinar e enganar os meus servos, para que forniquem e comam dos sacrifícios da idolatria”. Acho que você foi infeliz na sua colocação. Concordo com a irmã Luíza em gênero, número e grau. Não leve a mal a minha crítica, mas é para o bem do site e defesa da verdadeira Palavra de Deus. Forte abraço!

    • Paz amado… compreendo a preocupação em relação à Santidade que vocês estão mencionando…

      Mas o Templo de Deus somos nós e não paredes cobertas por um Telhado…

      Permitir um pecador cantar um hino não é pecado, já que o mesmo buscou a Igreja e expressou desejo de ter o privilégio da “louvar”(entre aspas)…

      A permissão para isso não inflige mandamento nenhum já que Jesus veio para os doentes( e todos nós o somos)…

      Impedir um Travesti de cantar na Igreja, por ainda não estar se comportando, como um cristão autêntico, não manifesta a misericórdia de Deus…

      Todos nós, inicialmente, chegamo-nos a Deus cobertos de pecados não reconhecidos e confessados… e com o tempo somos transformados!

      Você sabe quão difícil é um homossexual entrar numa Igreja… e quão mais difícil é almejar cantar um hino a Deus… Deveríamos realmente impedir… criar uma barreira num momento SINGULAR… que não é HÁBITO, nem REGRA… essa exceção expressa tolerância, acolhimento, misericórdia… como Jesus nos ensinou:

      “Ide, porém, e aprendei o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifício. Porque eu nào vim a chamar os justos, mas os pecadores, ao arrependimento.” Mateus 9:13

      Muitos estão apedrejando o Pastor que permitiu(i.e. exerceu misericórdia) e o Travesti que desejou cantar(i.e. buscou arrependimento).

      Cuidado para não estarem se colocando na mesma posição de outro Fariseu bem conhecido na Bíblia!

      Leia o texto abaixo e troque a “mulher pecadora” pelo Travesti… e se coloquem no papel do fariseu condenando a “adoração” da pecadora! E entenda o que Jesus quer ensinar!! Está escrito:

      “Convidado por um dos fariseus para jantar, Jesus foi à casa dele e reclinou-se à mesa.

      Ao saber que Jesus estava comendo na casa do fariseu, certa mulher daquela cidade, uma ‘pecadora’, trouxe um frasco de alabastro com perfume,

      e se colocou atrás de Jesus, a seus pés. Chorando, começou a molhar-lhe os pés com as suas lágrimas. Depois os enxugou com seus cabelos, beijou-os e os ungiu com o perfume.

      Ao ver isso, o fariseu que o havia convidado disse a si mesmo: “Se este homem fosse profeta, saberia quem nele está tocando e que tipo de mulher ela é: uma ‘pecadora’ “.

      Respondeu-lhe Jesus: “Simão, tenho algo a lhe dizer”. “Dize, Mestre”, disse ele.

      “Dois homens deviam a certo credor. Um lhe devia quinhentos denários e o outro, cinqüenta.
      Nenhum dos dois tinha com que lhe pagar, por isso perdoou a dívida a ambos. Qual deles o amará mais?”

      Simão respondeu: “Suponho que aquele a quem foi perdoada a dívida maior”. “Você julgou bem”, disse Jesus.

      Em seguida, virou-se para a mulher e disse a Simão: “Vê esta mulher? Entrei em sua casa, mas você não me deu água para lavar os pés; ela, porém, molhou os meus pés com as suas lágrimas e os enxugou com os seus cabelos.

      Você não me saudou com um beijo, mas esta mulher, desde que entrei aqui, não parou de beijar os meus pés.

      Você não ungiu a minha cabeça com óleo, mas ela derramou perfume nos meus pés.

      Portanto, eu lhe digo, os muitos pecados dela lhe foram perdoados, pelo que ela amou muito. Mas aquele a quem pouco foi perdoado, pouco ama”.

      Então Jesus disse a ela: “Seus pecados estão perdoados”. Lucas 7:36-48

      Paz…

  4. Eu não estou julgando. Nem citando nomes estou. O que quis dizer é que o ministério de música e um pastorado se equivalem. Assim como um pastor precisa tá em santidade, o músico também. Assim como todos os outros ministérios. O que as pessoas fazem ou deixam de fazer é problema delas. Como você disse irmão Elias, quem julga é Deus. Ou vocês acham que a música não é uma parte importante de um culto? E onde está o cuidado com as novas ovelhas? Isso poderia causar um escândalo em novos convertidos ou em pessoas querendo saber mais sobre Jesus? Temos que pensar num todo, afinal, somos um corpo. Como eu disse, opinião é opinião.

  5. Então imagina o seguinte: a Anitta, cantora de funk altamente pesado, te pede pra tocar uma música na sua igreja e você autoriza. Ela avisa que vai levar todas as suas dançarinas, todas vestidas da forma que sabemos que se vestem. Mesmo assim, a música que vão cantar é um louvor a Deus.

    Pergunta: Como é que ficam os homens que tem problemas com imoralidade sexual? As menininhas com problemas homossexuais? Lembre-se: a igreja é um hospital. Todo mundo procurando ser parecido com Deus. Ninguém é perfeito.

    • Essa é uma situação planejada… é diferente do que ocorreu… creio que o Travesti buscou o Pastor no momento do Culto e pediu autorização…

      Se ele estava em processo de quebrantamento, ou não, não sabemos, pois o vídeo só o mostra cantando…

      Foi um ato SINGULAR, isto é, ÚNICO… uma exceção… e não REGRA praticada todos os dias…

      O Pastor permitiu… e ele cantou(não sei se foi louvor, pois somente os verdadeiros arrependidos é que Louvam… mas Deus o sabe)…. um oportunidade de 5 minutos pra um pecador cantar na casa de Deus…. tentando se aproximar de Deus…

      O amado em questão não estava sendo incluído no Ministério de Louvor daquela Igreja para cantar em todos os Cultos à partir daquele dia!! Apenas recebeu uma única oportunidade pra cantar… Isso pra mim(minha opinião) Glorifica a Deus e manifesta que a Misericórdia é para todos.. e que há abertura para os que se sentem mais sujos se aproximarem de Deus, afim de serem SANTIFICADOS….

      Mas o processo da Santificação é lento… a libertação também…

      Temos que ter cuidado em não expressar um repúdio para aqueles que ainda não se portam em nosso padrão… No caso acima, o amado está tentando vir na direção correta e um única oportunidade não escandaliza… dependendo do contexto manifesta claramente a Misericórdia e o Amor de Deus para com o caído!

      Pense nisso!!

  6. Será q se fosse um pastor, de terno e tudo mais… Só que falando asneiras no púlpito, a opinião seria a mesma?
    A Bíblia tb diz:”Disse-lhes Jesus: Vós sois os que vos justificais diante dos homens, mas Deus conhece os vossos corações; pois o que é elevado entre os homens, é abominação diante de Deus.”
    Lucas 16:15

    A imagem causa impacto e escândalo? Sim. Mas Deus olha para o coração e foi duro assistir o travesti cantando, mas fui abençoado! Senti unção. Logo, é pequeno de mais pensar que ele fez um show e depois foi rir dos “trouxas” que o deixam se apresentar.

    E ainda que o tenha feito, problema é dele. Isso não muda o fato de pessoas terem sido abençoadas por um travesti.

    Deus usa quem Ele quer da maneira que quiser.
    Usou uma mula, não usaria um travesti? (ex, para a Glória de Deus)

    Há pessoas que estão curando e profetizando nas igrejas e a parte deles é com o maligno conforme diz Mateus 7:21-23

    “Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor, entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai que está nos céus.
    Naquele dia muitos hão de dizer-me: Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos muitos milagres?
    Então lhes direi claramente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, os que praticais a iniqüidade.”

    Vamos para de valorizar pedras e valorizar pessoas! O templo somos nós.
    Temos que ir para Cristo da forma como estamos! Permanecer, não.

    Pelos frutos conheceremos! Pois O Deus da Glória disse que prostitutas entram na glória na frente de muitos crentes! (Mateus 21:28-31)

    Contudo, onde abundou o pecado, superabundou a Graça.

  7. O que fazer se uma onda de travestis resolverem fazer apresentações na Igreja?
    Se disserem que querem pregar?
    Se disserem que querem usar o altar para aconselhar aos presentes que ali estão cultuando a DEUS?
    E o que dizer da imagem que se passa para o mundo, alguém que ainda está vestido de mulher, sendo este homem, louvando a DEUS em plena Igreja, será que o mundo sentirá a exclusividade da Igreja?

    Uma coisa é pastores e cantores estarem subindo ao altar em pecados para exercerem o Ministério, outra coisa é a Igreja saber disso e permitir.

    Alguém que possivelmente esteja quebrantado não teria coragem de por em risco a moral da Igreja, antes, o mesmo em vez de cantar choraria, em vez de fazer pouses cairia de joelhos, e em vez de se mostrar a vontade na condição em que estava, sentiria vergonha de se apresentar vestido de mulher, e de boné na cabeça.

    Acho que os amados dos arautos de cristo estão olhando com olhos pecadores, para aqueles que são pecadores como nós, mas se olharem com os olhos de DEUS, acho que vão temer o fazerem apologia ao profano.

    Nadabe e Abiú, filhos de Arão, tomaram cada um o seu incensário, e puseram neles fogo, e sobre este, incenso, e trouxeram fogo estranho perante a face do SENHOR, o que lhes não ordenara. Então, saiu fogo de diante do SENHOR e os consumiu; e morreram perante o SENHOR. E falou Moisés a Arão: Isto é o que o SENHOR disse: Mostrarei a minha santidade naqueles que se cheguem a mim e serei glorificado diante de todo o povo. Porém Arão se calou. Lv 10:1-3.

    Fidelíssimos são os teus testemunhos; à tua casa convém a santidade, SENHOR, para todo o sempre. Sl. 93:5.

    Vindicarei a santidade do meu grande nome, que foi profanado entre as nações, o qual profanastes no meio delas; as nações saberão que eu sou o SENHOR, diz o SENHOR Deus, quando eu vindicar a minha santidade perante elas. Ez. 36:23.

    Uma coisa é agir como o bom samaritano, acolhendo e socorrendo os doentes, outra coisa muito diferente, é colocar o doente no posto de medico, e deixá-lo cuidar de outros doentes, quando esse ainda está precisando de cuidados médicos, e precisando aprender alguma coisa sobre medicina.

    Amar este pobre miserável, é dever da Igreja, mas o amor neste caso está em dizer não, é por limites, é ensinar-lhe quem é DEUS, e o que ELE exige do pecador arrependido, e não entregar o microfone, dar lugar no altar, e deixar que alguém tão recentemente “arrependido” exerça funções de quem precisa ser preparado para isso.

    A ninguém imponhas precipitadamente as mãos. Não te tornes cúmplice de pecados de outrem. Conserva-te a ti mesmo puro. 1Tm 5:22.

    E se o tal ex-travesti citado nos exemplos, se converteu por uma oportunidade que teve de cantar, sou forçado a crer que este não é um verdadeiro convertido, pois a conversão e a fé vem através da pregação da PALAVRA de CRISTO, e não mediante oportunidade dada para louvores serem cantados.

    Entre exemplos e a PALAVRA de CRISTO, fico com a PALAVRA.

    • Você escreveu: “O que fazer se uma onda de travestis resolverem fazer apresentações na Igreja?
      Se disserem que querem pregar?
      Se disserem que querem usar o altar para aconselhar aos presentes que ali estão cultuando a DEUS?
      Uma coisa é pastores e cantores estarem subindo ao altar em pecados para exercerem o Ministério, outra coisa é a Igreja saber disso e permitir.”

      Já foi dito em minhas respostas supracitadas que esse foi um caso isolado… que foi uma exceção… e que NUNCA pode se tornar uma REGRA dentro do Igreja, como indagado por você acima!

      O amado pecador(como nós) recebeu um privilégio único numa situação específica que não condiz com o usual! Ele, possivelmente, apenas cantou(quem sabe realmente é só Deus)… pois o louvor só é manifesto através dos lábios de uma pessoa regenerada…e só Deus sabe se ele estava num processo de quebrantamento ou não, pois só vemos o vídeo dele cantando… mas não temos informações do antes e nem do depois…

      O escândalo se manifesta pela forma que ele está vestido, o Publicano à vista de todos no Templo também ainda não tinha tido um encontro com Cristo. A Pecadora na casa do fariseu, ainda era pecadora aos seus olhos, quando Jesus a perdoou… Tanto um como outro seriam, possivelmente, condenados por vocês, mas Jesus os perdoou naquele momento, como estavam… isto é, ainda em pecado diante de nossos olhos!!

      Você escreveu: “Alguém que possivelmente esteja quebrantado não teria coragem de por em risco a moral da Igreja, antes, o mesmo em vez de cantar choraria, em vez de fazer pouses cairia de joelhos, e em vez de se mostrar a vontade na condição em que estava, sentiria vergonha de se apresentar vestido de mulher, e de boné na cabeça.”

      Concordo… mas só vimos o durante, e não o antes e o depois… pode ter acontecido e não o sabemos!

      Você escreveu: “Acho que os amados dos arautos de cristo estão olhando com olhos pecadores, para aqueles que são pecadores como nós, mas se olharem com os olhos de DEUS, acho que vão temer o fazerem apologia ao profano.”

      Já disse no artigo que não concordo com a pratica homossexual, ou seja, não estou fazendo Apologia ao Pecado!! Mas creio que essa situação singular… ajuda a manifestar a MISERICÓRDIA de Deus através da atitude do Pastor em permitir uma oportunidade de 5 minutos para um pecador cantar… além de mostrar que a Igreja está aberta para recebê-lo… no momento posterior claro.. o Pastor chegará e irá orientar o recém arrependido sobre como devemos nos portar, afim de representar a Cristo… e se ele quiser fazê-lo novamente terá tempo para se apresentar de forma adequada…

      Você escreveu: “Nadabe e Abiú, filhos de Arão, tomaram cada um o seu incensário, e puseram neles fogo, e sobre este, incenso, e trouxeram fogo estranho perante a face do SENHOR, o que lhes não ordenara. Então, saiu fogo de diante do SENHOR e os consumiu; e morreram perante o SENHOR. E falou Moisés a Arão: Isto é o que o SENHOR disse: Mostrarei a minha santidade naqueles que se cheguem a mim e serei glorificado diante de todo o povo. Porém Arão se calou. Lv 10:1-3.

      Fidelíssimos são os teus testemunhos; à tua casa convém a santidade, SENHOR, para todo o sempre. Sl. 93:5.”

      O contexto de todos os versos supracitados são de pessoas que já estavam na Igreja e se apostatam, ou fazem algo que desagrada a Deus… mas, nesse caso, é diferente, pois se trata de alguém que está longe querendo se aproximar… Novamente pense no Publicano e na Mulher Pecadora… o que Jesus faria?? Se Jesus estivesse num local realizando um culto e de repente surgisse um pecador(condenado por todos) e pedisse uma oportunidade pra cantar… você acha mesmo que Jesus iria mandá-lo primeiro em casa para trocar de roupa e depois voltassse para cantar?? Ou o permitiria fazê-lo e depois o orientaria a fazer de forma diferente noutra oportunidade?? Reflita…

      Você escreveu: “Uma coisa é agir como o bom samaritano, acolhendo e socorrendo os doentes, outra coisa muito diferente, é colocar o doente no posto de medico, e deixá-lo cuidar de outros doentes, quando esse ainda está precisando de cuidados médicos, e precisando aprender alguma coisa sobre medicina.”

      Misericórdia… o amado só recebeu uma oportunidade para cantar… e você trata isso, como se ele tivesse recebido o privilégio de ser um Líder no Ministério de Louvor… não foi isso que o Pastor fez… quantos não são os perdidos(inclusive batizados) que cantam na Igreja?? A diferença é que ele cantou na frente de todos!!

      Você escreveu: “Amar este pobre miserável, é dever da Igreja, mas o amor neste caso está em dizer não, é por limites, é ensinar-lhe quem é DEUS, e o que ELE exige do pecador arrependido, e não entregar o microfone, dar lugar no altar, e deixar que alguém tão recentemente “arrependido” exerça funções de quem precisa ser preparado para isso.”

      O amado não estava assumindo nenhum Ministério, ou cargo, na Igreja. Ele apenas desejava cantar e na cabeça dele até mesmo LOUVAR, mas só Deus sabe se foi louvor ou não!!!

      Creio que o Pastor ficou preocupado com o ALTAR tanto que no início do vídeo o vemos perto do Travesti… então este desce do púpito… Creio que o Pastor estava preocupado com essa visão do “local mais sagrado no Templo construído por mãos humanas”…

      Você escreveu: “E se o tal ex-travesti citado nos exemplos, se converteu por uma oportunidade que teve de cantar, sou forçado a crer que este não é um verdadeiro convertido, pois a conversão e a fé vem através da pregação da PALAVRA de CRISTO, e não mediante oportunidade dada para louvores serem cantados.”

      Você o está julgando sem medida… cuidado com Mateus 7:1, pois, nesse caso específico, você não tem condições nenhuma de Julgar o Paulinho de Jesus!! Assista ao Testemunho e se possível compartilhe com alguém que seja homossexual, pois é edificador… Ele não converteu apenas com a oportunidade… Conheça a história primeiro… esta aí basta clicar no vídeo!!

      Abaixo cito o testemunho de duas pessoas que conheceram o Pastor Paulinho de Jesus! Eles disseram:

      Ernani Matos Gomes disse: Espirituais? Paulinho de Jesus um grande homem de Deus quando ainda era travesti foi libertou no momento em que teve oportunidade em igreja nao podemos dizer a forma como Deus vai agir ele e Deus faz e age como ele quer”

      Malu Vecchia disse: Sim, vdd. Pr.Paulinho de Jesus, participou da minha igreja, pessoa maravilhosa, testemunho de transformação total, eu conheço bem !!!”

      Essas pessoas deixaram seus comentários na minha página do Facebook, onde tem o link desse artigo!! O que a Bíblia nos ensina à respeito do testemunho de duas pessoas sobre alguém????

      Reflita em tudo… Paz….

  8. Enganoso é o coração, MAIS QUE TODAS AS COISAS, e perverso; quem o conhecerá? Eu o Senhor esquadrinho o coração, eu provo os pensamentos; e isso para dar a cada um segundo os seus caminhos e segundo o FRUTO de suas ações. Jr. 17.9 e 10
    A Bíblia na Linguagem de Hoje afirma, no final do vs. 10 que “Deus trata a pessoa conforme sua maneira de viver, de acordo com o que ela faz”. – Será? Porventura quem reparte seus bens com os pobres é tido como justo, se diz a Escritura que, se não o fizer com amor, de nada aproveita?
    Diz o Senhor Jesus que a Palavra somente é revelada aos pequeninos. Um desses pequeninos nos faz provar que o FRUTO das ações É A INTENÇÃO. Com qual intenção faço ou deixo de fazer isso ou aquilo?
    Não me atrevo sequer julgar a mim mesmo, quanto mais ao alheio… Nada julgueis antes de tempo, até que o Senhor venha… 1ª Co. 4.5
    O juízo será sem misericórdia (condicional) ao que não fez misericórdia; e a misericórdia triunfa do juízo. Tg. 2.13 – É bom que aprendamos discernir as circunstâncias e os espíritos que as manifestam. Afinal, importa que haja heresias no meio da irmandade para que se conheçam os escolhidos…

  9. Eu penso como nós somos egoistas todos queremos ser um pouco deuses…. Achando, nossa que ofensa com o Senhor…. Meu Deus como pode isso… Vamos crer na misericórdia de Deus e cabe a Deus julgar. Não temos o direito de fechar a porta da reconciliação a ninguém, imagine para a mãe deese rapaz deve ter sido uma alegria, talvez fruto da oração um oedido, eu creio que em mome de Jesus algo entrou dentro daquele coração…. A casos e casos, nada foge a vontade de Deus, eu oro a Deus para que ele volte para o Senhor e testemunhe… Eu voltei porquê um dia uma igreja um pastor não olhou para o meu pecado, não amou o meu pecado, mas amou a mim que sou pecador.. O que preoculpa a “igreja” são os pecados visto os encobertos tudo bem….

  10. Percebo que o medo de ser perseguido como homofóbico tem feito muitos cambalearem e andarem de mãos dadas com o mau… se abre-se exceção para um, como agora irão proibir outros, isso seria discriminar de fato… DESCULPAS PARA APROVAR PRATICAS PROFANAS NO CULTO A DEUS, MAS É CERTO QUE TODOS PAGARÃO POR TAL eVANGELHO LIBERAL:
    Pois certos indivíduos se introduziram com dissimulação, os quais, desde muito, foram antecipadamente pronunciados para esta condenação, homens ímpios, que transformam em libertinagem a graça de nosso Deus e negam o nosso único Soberano e Senhor, Jesus Cristo. Quero, pois, lembrar-vos, embora já estejais cientes de tudo uma vez por todas, que o Senhor, tendo libertado um povo, tirando-o da terra do Egito, destruiu, depois, os que não creram; e a anjos, os que não guardaram o seu estado original, mas abandonaram o seu próprio domicílio, ele tem guardado sob trevas, em algemas eternas, para o juízo do grande Dia; como Sodoma, e Gomorra, e as cidades circunvizinhas, que, havendo-se entregado à prostituição como aqueles, seguindo após outra carne, são postas para exemplo do fogo eterno, sofrendo punição. Jd 1:4-7

  11. Amigo mediador do Arauto de Cristo. Desculpe-me pelo meu comentário. Estive pensando aqui sobre a situação e lembrei aqui que existem vários tipos de igrejas. E existem as igrejas que abrem espaço para as pessoas participarem com um louvor a Deus: crianças, adultos, não importa a situação. Eu não estou acostumado com esse tipo de situação, por isso respondi assim. Mas creio que se fosse de uma igreja assim, para mim não teria problema algum. Se ele se manifestou, creio que foi de coração, oferta da viúva e com certeza foi usado por Deus para tocar outras pessoas.
    Desculpe-me por parecer juiz da situação. Acho que as outras pessoas que comentaram contra também não entenderam direito a primeira vista. Cada um está acostumado com o seu modelo de igreja. Algumas abrem espaço, mas outras não.
    Quem estava louvando ali era o pecador, e não o seu pecado. Com certeza chegou aos ouvidos de Deus.
    Grande abraço a todos!

    • É justamente isso que estou tentando passar… e sei que muitos não vivem, ou testemunham, isso no dia-a-dia de sua Igreja… mas vc conseguiu resumir bem esse momento singular…

      Parabéns….

      Paz…

  12. Eu creio que o Senhor habita no meio dos louvores, que o louvor liberta ! ainda que a intenção do adversário de nossas almas seja de trazer escândalo ou confusão, a SOBERANIA de Deus está acima dos intentos do maligno, ele me pareceu ser um conhecedor da palavra e que está desviado, que o Espírito Santo de Deus encontre espaço em sua vida para trazê-lo limpo a presença de Deus. E que possamos amar as pessoas e não apenas julgá-las por sua aparência ou condição temporária de vida, digo temporária, pois creio no agir milagroso de Deus.
    Que este jovem seja alcançado e que muitas vidas sejam tocadas através da vida dele. Que o Senhor derrame mais amor em nossos corações e que possamos tirar a trave de nossos olhos. A este pastor que deu a oportunidade a este jovem fica minha oração para que tenha sempre a unção de Deus direcionando seus passos na condução das ovelhas do Senhor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s