[Reflexão] Amar a Esposa

Assim devem os maridos amar a sua própria mulher como a seu próprio corpo. Quem ama a sua mulher ama-se a si mesmo. (Efésios 5.28)
            Todos os maridos, ou pelo menos a maioria, declaram amar as suas esposas! Dizem que casaram por amor, mas estes que andam declarando o amor, muitas vezes são adúlteros, violentos, ranzinzas! São homens que não perdem a oportunidade de olhar, galantear outras mulheres nas ruas, e, quando vêem uma mais jovem, olham e a desejam! Em casa em várias ocasiões, dão más respostas  às suas esposas e não raros  espancam-nas, e ainda se dizem cristãos.
 “Porque ninguém aborrece a sua própria carne; antes, a alimenta e sustenta, como também o Senhor a igreja.”(Efésios 5.29
Em outras palavras quem fala que ama, mas trai, trata mal a esposa, ou vive olhando para outras mulheres, com certeza não ama, porque quem ama cuida, deseja, e em hipótese alguma faria alguma coisa que  fosse desleal! Uma vez que devemos cuidar, tratar das nossas esposas como tratamos do nosso corpo, e ninguém quer se auto-afligir, ninguém, se fere, machuca intencionalmente, ninguém vive se desprezando, afinal a nossas esposas são parte de nós mesmos.
            “Porque somos membros do seu corpo.” (Efésios 5.30
Ser membro do mesmo corpo é ser unidos, ligado entre si, ou seja, diante do Senhor não existe duas pessoas, mas uma somente. Quando se casa, passa a fazer parte do mundo e do corpo da mulher e da mesma forma a mulher do homem, e quando tratamos mal a nossa esposa estamos tratando mal a nós mesmo, e tentando desfazer o que Deus fez, estamos ignorando a obra do Senhor, estamos caminhando para a morte eterna.
“Por isso, deixará o homem seu pai e a sua mãe e se unirá à sua mulher; e serão dois numa só carne.” (Efésios 5.31)
Quando a Bíblia nos fala em deixar pai e mãe quer dizer que a nossa prioridade passa a ser a nossa esposa, nem mesmo a nossa mãe, nossa genitora tem preferência, nós não somos uma só carne com pai, mãe, irmãos ou filhos, mas somente com a esposa, ela é parte viva da nossa carne, somos dois em um. Não existe nada e nem ninguém no mundo que possa separar o marido da mulher, somente o pecado, o adultério, e mesmo assim, é impossível ele vir a ser uma só carne com outra, pois ele já tem uma metade em algum lugar.
            “Grande é este mistério; digo-o, porém, a respeito de cristo e da igreja.” (Efésios 5.32
Veja que somos comparados como Cristo e seu amor pela a igreja, os Cristãos. Ele se entregou, sofreu, foi humilhado, crucificado e morto, para que pudéssemos ser salvos. Ele demonstrou o verdadeiro amor! Da mesma maneira devemos amar as nossas esposas até as últimas conseqüências, pois elas são parte de nós, ealém de ser mandamento do Senhor.
 “Assim também vós, cada um em particular ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie o marido.” (Efésios 5.33)
 Devemos aprender a amar as nossas esposas, e até mesmo nos sacrificar por elas, pois estamos fazendo por nós mesmos, e as esposas respeitem, valorizem os seus maridos! Dêem lugar de honra, pois são a mesma carne, são uma só pessoa, portanto devem ser cuidados, amados, reverenciados, pois isto é agradável ao Senhor.
Leiam e pratiquem a Bíblia. Que Deus te abençoe.
Anúncios

3 pensamentos sobre “[Reflexão] Amar a Esposa

  1. Amei essa reflexição, estava precisando chegou no tempo e na hora certa. Deus abençoe quem criou ,quem recebeu e quem foi abençoado. Obrigada, um abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s