[Alerta] A Infidelidade Conjugal

A INFIDELIDADE CONJUGAL


Pr. Elinaldo Renovato de Lima

O lar cristão deve ser a continuação da igreja, porque, num sentido mais profundo, é a igreja também. O relacionamento entre os membros da família deve ser tão santo em casa, quanto na igreja. Dentre as características de um bom relacionamento familiar, destacamos a fidelidade. Esta é indispensável para que se mantenham inabaláveis os alicerces do lar. Os pais precisam ser fiéis entre si e aos filhos e estes aos pais, todos fiéis uns aos outros.

João, evangelista e presbítero, dirigindo sua terceira epístola a Gaio, diz: “Amado, procedes fielmente em tudo o que fazes para com os irmãos, e para com os estranhos“. Proceder fielmente em tudo é uma característica marcante dos verdadeiros cristãos. O oposto disso, ou seja, a infidelidade, é um terrível inimigo, que tem destruído inteiramente muitos lares e famílias. Neste aspecto, avulta com maior gravidade, a conjugal: o esposo, o pai de família, sendo infiel à esposa e vice-versa.

A infidelidade é um mal que não é de hoje, mas que, nos tempos atuais, tem-se tornado muito comum nos lares sem Cristo, e também tem atingido muitos lares cristãos. A infidelidade conjugal não passa de um instrumento diabólico para a destruição e desagregação da família. A Bíblia diz que o marido deve amar a sua esposa da mesma forma que Cristo ama a Igreja. Ora, o Senhor ama a Igreja com sinceridade, e sobretudo, com fidelidade. Esta fidelidade é tão grande, que “se formos infiéis, Ele permanece fiel: não pode negar-se a si mesmo(2 Tm 2.13).

Mas Satanás diz ao esposo: “ora, não é nada demais; procura unir-te a outra mulher: a tua já não te agrada. No fim, tudo dará certo. – Os teus amigos não possuem outras mulheres?”. Com isso, o inimigo procura desfazer o plano de Deus para a vida conjugal. E muitos homens, mesmo cristãos, têm cedido a essa tentação diabólica, cometendo adultério e prostituição, e desprezando o lar, a esposa, os filhos e seu próprio nome e, o que é pior: desprezando a Deus. A infidelidade, inimigo cruel, não acontece de repente.

É necessário estar alerta para as ciladas do Inimigo. Muitas vezes, a causa do adultério, ou melhor, dos fatores que contribuem para a infidelidade, está sendo fomentada dentro do próprio lar: Com o passar dos anos, o esposo e a esposa deixam de cultivar o amor verdadeiro. Aquelas expressões de carinho dos primeiros tempos ficam esquecidas. O afeto vai desaparecendo entre os dois. No entanto, a necessidade de afeto continua a existir em cada um. É a chamada carência afetiva, que leva muitos a se decepcionarem com o casamento.

As lutas do dia-a-dia também tendem a desfazer o clima amoroso entre o casal, se não forem adotadas providências para cultivá-lo. O lar, em muitos casos, passa a ser uma espécie de pensão, na qual o marido é o hóspede número um, a esposa é a dona da pensão, e os filhos, os outros hóspedes costumeiros. Não mais existe o ambiente acolhedor e amigo no qual se respira amor, paz e harmonia. Enquanto isso, fora do lar, os cônjuges, no trabalho, no círculo de amizades, encontram sempre alguém que lhes atenção e se interesse (ou finge se interessar) pelos seus problemas.

Então Satanás, que não dorme, entra em ação. Começa a falar ao coração que é hora de experimentar um caso de amor, um romance, mesmo passageiro. O cônjuge, mesmo sendo cristão, diante de tal sedução, entra em conflito consigo mesmo. A mente começa a estampar a crise de afeto que existe no lar, a falta de carinho, a indiferença do outro cônjuge. A consciência bate forte, lembrando a condição de cristão, lavado e remido no sangue de Jesus. Nas primeiras investidas, o servo de Deus pensa, recua, vence. Mas, dia após dia, as coisas se agravam. A voz do Inimigo soa mais forte e sedutora; a concupiscência se aquece. Vem a queda, o ato, o pecado, a morte espiritual.

Depois, entre desespero e reações evidentes, o coração explode. O lar, que antes estava ruim, fica pior. A culpa não dá paz. Os conflitos aumentam. Só há dois caminhos: abandonar o lar, a esposa, os filhos e viver na nova “pensão” ou continuar enganando a todos (mas não a Deus). Em qualquer caso, todos sofrem. O cônjuge infiel, o cônjuge fiel, os filhos, a família, a igreja. Para evitar esse tipo de contribuição à infidelidade, é necessário que o casal se mantenha debaixo da orientação da Palavra de Deus. O esposo, amando sua esposa de todo o coração, como Cristo à Igreja. A esposa, amando o esposo da mesma forma e lhe sendo submissa pelo amor, como é a Igreja, a Cristo.

Em termos práticos, é necessário cultivar, tratar, regar e cuidar da planta do amor, para que as ervas daninhas da infidelidade não germinem no coração de um dos cônjuges. É bom, que os cristãos casados saibam que a santidade do cristianismo não faz ninguém deixar de ser humano. Nesta vida, precisamos de amor, de alegria, de paz, de carinho, de afeto. O leito conjugal precisa ser bem aproveitado, e a união sexual, legítima entre os casados, deve continuar sendo fator de integração, não apenas física, afetiva, mas também espiritual.

Deus se agrada da união entre os casados, especialmente entre cristãos: “Seja por todos venerado o matrimônio, e o leito sem mácula” (Hb 13.4), diz a Palavra. Reconhecemos que há muita infidelidade que começa por mera tentação, onde o outro cônjuge, às vezes, em nada contribui. Mas havemos de reconhecer que o casal bem unido em torno do Senhor Jesus terá condições de vencer o Inimigo. (Amém)

O Senhor Deus, repreendendo Israel, dizia que não aceitava mais suas ofertas. – Por quê? – “Porque o Senhor foi testemunha entre ti e a mulher da tua mocidade, com a qual tu FOSTE DESLEAL, sendo ela a tua companheira e a mulher do teu concerto” (Ml 2.14). Esse trecho nos mostra que Deus rejeita aquele que é infiel à sua esposa, e o rejeita não aceitando suas ofertas, seus sacrifícios. Até as orações não são recebidas por Deus, quando o marido não coabita com sua mulher com entendimento, e vice-versa.

Aqui desejamos relembrar algumas recomendações da Bíblia quanto à infidelidade. Paulo doutrinou bastante sobre o assunto. A igreja em Corinto disse: “Não sabeis vós que sois o templo de Deus, e que o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá: porque o templo de Deus, que sois vós, é santo” (1 Co .3.16,17). O homem, ou a mulher cristã, deve tomar em consideração esta advertência solene e grave da Bíblia: Se alguém destruir o seu próprio corpo, pelo pecado, Deus o destruirá. Mais clara, ainda, é a exortação, quando lemos o trecho de 1 Coríntios 6.18-20: “Fugi da prostituição. Todo pecado que o homem comete é fora do corpo, mas o que se prostitui peca contra o seu próprio corpo. Ou não sabeis que O NOSSO CORPO É TEMPLO DO ESPIRITO SANTO, que habita em vós, proveniente de Deus e que não sois de vos mesmos? Porque fostes comprados por bom preço; glorificai pois a Deus NO VOSSO CORPO, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus”.

Vemos, então, que a infidelidade conjugal, geralmente tornada em adultério, é considerada o maior pecado contra o corpo. Isto porque o corpo é “templo de Deus“, “templo do Espírito Santo. Havendo o verdadeiro amor, não haverá frieza sexual. Haverá interesse, atração de um pelo outro; haverá prazer no ato sexual. É necessário evitar a infidelidade sob qualquer forma ou pretexto.

E-mail: adrministerio12@hotmail.com

http://www.facebook.com/l/d22e1_nOEM4nU1ESavokpAMzcRw/missoedever.bolgspot.com http://www.facebook.com/l/d22e1yfyBNTPPdLUkn77_06LH4A/www.reconciliandocomcristo.com

Anúncios

11 pensamentos sobre “[Alerta] A Infidelidade Conjugal

  1. A paz irmão! Mais uma vez estou aqui para dizer que seus estudos tem ministrado aos nossos corações… Peço ao Senhor Espírito Santo que continue inspirando-o a trazer mensagens edificantes para o povo escolhido do Senhor. Peço oração pela minha vida e minha família!!!

      • amigo o que eu faço,ja faz um ano que meu esposo esta na casa da amante,e ja faz dois anos que nos dois nao nos relacionamos sexualmente,ele fala que é como se olhasse para uma irma dele,nunca tivemos esse tipo de problemas,tenho uma filha de 17 e outra de 15,ele saiu da igreja a quase 4 anos,o que pode ter acontecido,alguns falam que fizeram algum trabalho de macumba isso é possivel?como posso lutar pelo meu marido se ele nao senti desejo por mim,ele agora ate fala em voltar,mais fico pensando como sera nossas vidas,pois ele ate agora parece senti o mesmo com relaçao ao sexo,ele disse que nao,eu amo meu marido,mais como vou querer uma pessoa do meu lado dessa forma,vc acredita que isso possa ser mudado,como posso ajudar meu esposo?por favor me responda o mais rapido possivel,se poder me mande algo por e-mail….EDITADO… eu agradeço efica na paz de cristo,ah! eu tambem acredito que casamento é para sempre.

      • A Paz minha irmã!!

        Resolvi deixar aqui meu conselho, poi ele pode servir para outras pessoas que estejam passando pelo mesmo contratempo.

        Você me perguntou sobre a possibilidade de ser “macumba”. Isso é possível!

        Mas gostaria de frisar que, antes dele sair de casa, ele deixou o Senhor, dando-nos uma importante evidência de que ele possivelmente nunca teve um encontro verdadeiro com Cristo ou, então, Apostatou. Gostaria que esse último caso não fosse o do seu Marido, pois os que se APOSTATAM, nunca mais voltam para o Senhor, pois está escrito:

        “Porque é impossível que os que já uma vez foram iluminados, e provaram o dom celestial, e se tornaram participantes do Espírito Santo.

        E provaram a boa palavra de Deus, e as virtudes do século futuro,

        E recaíram, sejam outra vez renovados para arrependimento; pois assim, quanto a eles, de novo crucificam o Filho de Deus, e o expõem ao vitupério.” Hebreus 6:4-6

        Espero que ele nunca tenha sido um cristão de verdade, pois assim ainda terá para ele SALVAÇÃO e para vocês uma RESTAURAÇÃO completa!

        Caso ele queira voltar para casa, aceite-o! Você precisará buscar ao Senhor, com orações e jejuns, para que o Senhor venha abrir os olhos de seu Marido para a Verdade que há em Cristo… Venha quebrantar o seu coração, para que ele venha reconhecer a necessidade de Cristo e, assim, arrepender-se de verdade para que ocorra o novo nascimento e, portanto, a conversão dele.

        Esse processo pode ser demorado, ou não. Independente do tempo, persevere em oração no propósito de Deus gerar arrependimento verdadeiro no coração dele, para que, como cristão, ele venha ser liberto do pecado e de toda influencia maligna que possivelmente ele está experimentando. Assim ele voltará para casa preparado para ser o Marido que Deus almeja que todos os homens sejam.

        Sem Jesus, difcilmente você poderá vencer essa batalha, então ore pela salvação de seu Marido! Busque o conselho de um Pastor de uma Igreja Evangélica que você saiba ser séria, para que você possa receber mais conselhos e apoio em momentos de dificuldade!!

        Jesus a abençoe e dê graça para suportar o deserto que ainda poderá passar! Lembre-se: persevere, NUNCA desista! Busque manifestar a sua Fé e confiança na provisão de Deus!

  2. muitos me falam que nao adianta orar por uma pessoa que esta na situaçao dele,pois me falam que ele nao querendo de nada adianta orar pela sua salvaçao,mme falam do llivre arbtrio,e quanto ao fato dele nao querer mais manter uma intimidade comigo,vc acredita que oraçoes podem mudar ese quadro,me desculpe mais minha fe esta abalada,obrigada por sua atençao.

    • A Paz reine em seu coração!! Amada, Deus age principalmente onde há IMPOSSIBILIDADE. Aquilo que é possível, os homens podem fazer, mas o IMPOSSÍVEL, somente Deus faz.

      O arrependimento é gerado por Deus, pois somente Ele nos convence do pecado. Está escrito:

      “Todavia digo-vos a verdade, que vos convém que eu vá; porque, se eu não for, o Consolador não virá a vós; mas, quando eu for, vo-lo enviarei.

      E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça e do juízo.

      Do pecado, porque não crêem em mim;

      Da justiça, porque vou para meu Pai, e não me vereis mais;

      E do juízo, porque já o príncipe deste mundo está julgado.” Jo 16: 7-11

      Jesus disse:

      “Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou o não trouxer; e eu o ressuscitarei no último dia.

      Está escrito nos profetas: E serão todos ensinados por Deus. Portanto, todo aquele que do Pai ouviu e aprendeu vem a mim.” Jo 6: 44-45

      “Mas há alguns de vós que não crêem. Porque bem sabia Jesus, desde o princípio, quem eram os que não criam, e quem era o que o havia de entregar.

      E dizia: Por isso eu vos disse que ninguém pode vir a mim, se por meu Pai não lhe for concedido.” Jo 6: 64-65

      Pelo exposto acima, Deus, por meio do Espírto Santo, gera o arrependimento no homem. Ele faz com que o homem entenda a sua pecaminosidade e perceba a necessidade de Jesus Cristo. Paulo exorta-nos o seguinte:

      “E ao servo do Senhor não convém contender, mas sim, ser manso para com todos, apto para ensinar, sofredor;

      Instruindo com mansidão os que resistem, a ver se porventura Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade,

      E tornarem a despertar, desprendendo-se dos laços do diabo, em que à vontade dele estão presos.” 2 Tm 2:24-26

      Portanto, não dê ouvidos à palavras de maldição, exerça a sua FÉ. Confie em Deus, busque viver em Santidade, isto é, em conformidade com a Sua Palavra, pois assim se cumprirá a palavra dita por Cristo:

      “Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim.

      Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer.

      Se alguém não estiver em mim, será lançado fora, como a vara, e secará; e os colhem e lançam no fogo, e ardem.

      Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito.

      Nisto é glorificado meu Pai, que deis muito fruto; e assim sereis meus discípulos.” Jo 15:4-8

      Medite nessa mensagem e tome posse de sua benção. Mas lembre-se que você terá que lutar, pois o inimigo não desistirá tão fácil e, possivelmente, Deus vai usar essa situação para aperfeiçoar a sua vida e sua Fé!

      Jesus lhe abençoe!

      • obrigado irmão!suas palavras tem me ajudado muito,estou disposta a lutar pelo meu lar,o Senhor vai me dar forças e entendimento para que eu possa tomar as atitudes corretas,vou guardar essa mensagem no meu coraçao,e algo que vc disse que falou muito em meu coraçao,que nao convem contender e sim ser manso,e eu ultimamente só brigava,queria resolver tudo na força,mais vou mudar,que Deus te abençoe,já te amo em cristo Jesus,a paz meu amado.

      • Complementando essa linha de pensamento que você discerniu muit bem, Pedro deixa um conselho para as Mulheres:

        “Do mesmo modo, mulheres, sujeitem-se a seus maridos, a fim de que, se alguns deles não obedecem à palavra, sejam ganhos sem palavras, pelo procedimento de sua mulher,

        observando a conduta honesta e respeitosa de vocês.

        A beleza de vocês não deve estar nos enfeites exteriores, como cabelos trançados e jóias de ouro ou roupas finas.

        Pelo contrário, esteja no ser interior, que não perece, beleza demonstrada num espírito dócil e tranqüilo, o que é de grande valor para Deus.” 1 Pe 3:1-4

        O Espírito Santo lhe deu uma revelação dele! De sua vontade, para que você ganhe seu marido para Cristo. Portanto, siga-o!

        Jesus a abençoe!! A Paz…

  3. boa noite irmao!estou tão triste,hoje eu fiquei sabendo que a amnte do meu esposo esta gravida d 6 meses,nao me vejo mais com forças para lutar pelo meu casamento,a dor que eu estou sentindo e muito forte,a irma dele me disse que agora ele tem outra familia,que eu nao tenho mais nada haver com ele,nao sei o que dizer para ela,me sinto abondonada por Deus,tudo esta dando errado,me desculpe mais nao consigo escrever mais nada,estou sendo consumida pela dor.

    • Triste minha irmã…. muito triste… vivemos num mundo caído, convivemos com pessas pecadoras e, portanto, imperfeitas… Sofremos, pois a manifestação do pecado é sempre trsiteza, dor, sofrimento e morte…

      Apesar de todo esse sofrimento, não abra mão de Jesus, Ele disse:

      “Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo.” Jo 16:33

      A prova que amamos a Deus verdadeiramente é que, mesmo em meio às adversidades, nós não damos as costas a Ele. Permanecemos fiéis, mesmo quando as coisas vão mau. Temos que ter o mesmo ânimo que o Profeta Habacuque teve. Está escrito:

      “Porque ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; ainda que decepcione o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos currais não haja gado;

      Todavia eu me alegrarei no SENHOR; exultarei no Deus da minha salvação.

      O SENHOR Deus é a minha força, e fará os meus pés como os das cervas, e me fará andar sobre as minhas alturas. ” Hc 3:17-19

      O Apóstolo Paulo possuia uma ‘espinho na carne’. Algo que o afligia constantemente. Mesmo assim ele disse:

      “foi-me dado um espinho na carne, a saber, um mensageiro de Satanás para me esbofetear, a fim de não me exaltar.

      Acerca do qual três vezes orei ao Senhor para que se desviasse de mim.

      E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.

      Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte.” 2 Co 12:7-12

      Existe um mistério, quando passamos por tribulações. Digo “mistério”, pois poucos têm discernimento para entender como Deus trabalha em nosso caráter e menos ainda aceitam com submissão a essa maneira. Quando estamos mais fracos, tornamo-nos mais dependentes de Deus. Então ele nos aperfeiçoa e fortalece no Poder de sua Graça. Deus trabalha de forma variada com seus servos. Cada um tem uma cruz a ser levada que é distinta e intransferível. Aceite a sua Cruz e busque se fortalecer em Jesus. Espere na providência de Deus, lute e não desista… a sua Fé está sendo provada.

      Independente do que aconteça persevere em servir a Jesus, pois todos que estão em Cristo, rebecerão a Vida Eterna. Não permite que as aflições desse mundo, façam com que você desista de Jesus. Aceite asua cruz e a carregue até o fim, pois Jesus disse:

      “Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo.” Mt 24:13

      Jesus te abençoe e dê ânimo para perseverá!! Paz…

  4. Como devemos aconselhar os membros quando há casos em que o cônjuge não atende as necessidades sexuais do parceiro e como consequência afeta o relacionamento entre ambos?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s