[Reflexão] Como superar as tentações sexuais?

LEITURA BÍBLICA

Tiago 1:12-16
Bem-aventurado o homem que suporta a tentação; porque, quando for provado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam.

Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal, e a ninguém tenta.

Mas cada um é tentado, quando atraído e engodado pela sua própria concupiscência.

Depois, havendo a concupiscência concebido, dá à luz o pecado; e o pecado, sendo consumado, gera a morte.

Não erreis, meus amados irmãos.

REFLEXÃO

Não é fácil manter-se puro no mundo de hoje o qual respira e transpira sexo. Somos simplesmente bombardeados diariamente por propagandas de todos os tipos onde a mídia tenta nos vender a idéia de que o mundo gira em torno do sexo.

Nunca se fez tanto sexo e nunca houve tanta falta de amor entre os casais e entre as pessoas. Satanás tem deturpado tudo aquilo que Deus criou para o benefício do homem. Deus criou o sexo para unir o homem e a mulher em amor, mas em vez disto as pessoas estão apenas se usando mutuamente, e em conseqüência, estão cada vez mais distantes uma das outras, mais frias e tendo menos prazer.

Por estas e outras razões vale a pena esperar o momento adequado para satisfazer nossas necessidades físicas, seguindo a orientação de Deus para nossa felicidade. O maior anseio da humanidade é ter uma vida feliz, só que não existe felicidade separada de Jesus Cristo. Quando o homem tenta dar um jeitinho, pegar um atalho, dar uma “mãozinha” a Deus, é então que ele fica confuso, deprimido, atrasa a realização dos sonhos que Deus tem para ele e segue os caminhos que levam à morte.

O pior desta situação, é que para a pessoa cristã existe o problema da culpa. Por um lado ela se sente mal por não ter a chance de fazer sexo, e por outro se sente culpado por ter o desejo sexual. Na realidade dentro de nós existe este conflito constante entre a nova e a velha natureza. O que fazer então para ter uma vida vitoriosa e encontrar a paz permanente?

Primeiramente saiba que você não é a única pessoa que passa por este dilema. O apóstolo Paulo teve experiência parecida, pois fazia exatamente o que não queria e aquilo que era certo fazer, ou seja a vontade de Deus, ele não conseguia, embora quisesse.

Desesperado em sua agonia, clamou a Deus: “Miserável homem que sou! quem me livrará do corpo desta morte?”. Leia em Romanos 7:14-25 esta luta pessoal de Paulo e como ele encontrou a solução, se apegou na graça e na misericórdia de Jesus Cristo.

Esta era a luta de Paulo, esta é a minha e a sua luta. A diferença entre vitória e fracasso não depende de nossas habilidades pessoais, mas sim em quem depositamos nossa confiança. Isaías 27:5 apresenta a proposta de Deus ? ?Que os homens se apoderem da minha força e façam paz comigo; sim, que façam paz comigo.?

Existe uma diferença entre uma necessidade real e legítima, e a maneira de suprir esta necessidade. A carência por sexo,
afeição, companheirismo, amizade e carinho, é totalmente correta. Foi Deus quem colocou dentro de nós, seres humanos, estes sentimentos e esta necessidade de ser reconhecido. O problema está na maneira que nós utilizamos para suprir estas carências.

Como elas foram criadas por Deus, sem Ele jamais conseguiremos a satisfação dos nossos desejos.

O ponto de partida para uma vida vitoriosa, é primeiramente ter certeza do perdão divino quanto a nossas falhas passadas. Cristo não veio ao mundo para condenar pecadores, mas para salvá-los.

Depois da certeza do perdão, o próximo passo é alimentar a nova natureza com a vida de Cristo, através de um relacionamento diário com Ele. Pela contemplação, através do louvor, do estudo da Bíblia, e também pela oração, somos transformados. Se contemplamos a Cristo seremos paulatinamente transformados a Sua semelhança.

Passos adicionais podem incluir: a contemplação somente do que é belo, puro, nobre e bom. A prática de algum esporte, como a natação ou até mesmo longas caminhadas. O desenvolvimento de hobbies. O hábito de interessar-se mais pelos semelhantes e ajudar pessoas necessitadas.

Seja sincero e honesto ao compartilhar com Cristo seus verdadeiros sentimentos, seus sonhos, suas decepções, suas
frustrações e seus desejos. Ele está vendo sua luta e se compadece intercedendo por você junto a Deus.

Não importa qual a fraqueza pessoal ou força da tentação. Cristo é o libertador. Ele veio para libertar-nos do poder do pecado e para nos dar a paz e a alegria de uma vida em harmonia com Ele. Ele quer e pode lhe ajudar.

Tenha a certeza de que cada passo dado na direção da abstinência sexual somente estará contribuindo para sua maior felicidade nesta vida. Isto porque Deus lhe ama demais. O que ele pede é apenas para o seu bem.

Fonte: Novo Tempo

Um pensamento sobre “[Reflexão] Como superar as tentações sexuais?

  1. Muito bom, claro e objetivo. Foi relevante para mim, obrigado; que Deus abençõe este ministerio.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s